Aprender a jogar fora…

Caros amigos icasianos, estou ainda meio ressacado com a derrota de ontem. É triste ficar assistindo o jogo e ver a mesma história do jogo contra a Portuguesa acontecer novamente. No primeiro tempo, um jogo morno com as duas equipes que ficaram se estudando e acabaram sem oferecer algum lance de perigo, mesmo assim, o Icasa poderia ter saído na frente, mas Dodó deu uma furada na marca do penalty (parecia que o cara tinha duas pernas esquerdas…). O segundo tempo, praticamente começa 1 X 0 pro América, pois levar um gol aos 20 segundos é muita falta de sorte, e ainda mais ao ver como foi o lance. Aos 10 minutos, veio um cruzamento que me parecia inofensivo, pois um goleiro normalmente ganharia a bola do atacante por cima, mas  como estamos percebendo, o Pitol sai muito mal do gol e, enquanto a bola sobra para o atacante do América o Pitol fica procurando a bola sem acha p… nenhuma, com isso sofremos o segundo gol. E ai como no canindé o Icasa partiu pra cima, mas novamente o time quando ataca demora a finalizar, e quando a finalização acontece, é uma tragédia. Agora vem a pergunta: Por que na primeira etapa o Icasa não tomou a iniciativa, atacando como no segundo tempo? Cadê a postura correta? Ai logo surge outra: Mas não seria ousadia tomar a iniciativa do jogo na casa do Adversário? Não. Pois esses dois últimos adversários são fraquíssimos, apesar da camisa que vestem.

Enquanto a minha análise individual, estou aborrecido com alguns jogadores que são muito irregulares (pois jogam uma partida excelente e nove de se esquecer) caso Carlinhos e Dodó. O Foiane está mostrando um bom futebol, Everaldo e o Thiago sempre regulares, o Alan prefiro não comentar (a galera do Orkut está fazendo muito bem isso  por mim), o Luciano de longe não correspondeu as expectativas o que explicitou ainda mais a importância do Guto no meio de campo, o Roberto Santos por mim voltava pro banco ainda no primeiro tempo colocando de volta o Assisinho, e por último o Flávio que ao meu ver está mexendo muito mal na equipe, um exemplo disso é que se o Xuxa e o Jadson estivessem juntos as chances de gol poderiam ser maiores (lembrando a atuação conjunta entre o Guto e o Xuxa), mas o treinador preferiu o “seis por meia-dúzia”.

Agora a pressão vai ser grande para o jogo contra o Guaratinguetá. Esperamos que tudo saia com o de costume, o verdão sabendo jogar bem dentro de casa. Em relação às criticas que o plantel do Icasa está recebendo, acho que elas seriam abafadas caso o time terminasse com uma vitória ontem, mesmo assim concordo que o elenco seja tomado não por quantidade mas sim por qualidade. Mas o que parece é que a qualidade está sendo trocada pela quantidade, pois perdemos e vamos perder jogadores que estão se destacando.

Comente!

Anúncios

Sobre djunio
Estudante, graduado em Licenciatura em Matemática no ano de 2005 pela Universidade Regional do Cariri - Urca, mestre em Matemática pura no ano de 2008 pela Universidade Federal de Campina Grande - UFCG, e atualmente doutorando em Matemática pela Universidade Federal do Ceará - UFC. Apaixonado pelo Icasa, o Verdão do Cariri!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: